CÁLCULO DE RAMPA

September 22, 2021

O cálculo de rampa é uma das mais importantes etapas para determinar o sucesso de sua funcionalidade, fato que costuma causar preocupações para diversos profissionais.

Além de uma boa estética, a rampa é um elemento arquitetônico que deve conseguir vencer um determinado desnível, de forma funcional e segura.

O seu cálculo é relativamente simples, mas de acordo com sua aplicação é necessário atender algumas normas, como por exemplo a NBR 9050 (Acessibilidade em edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos).

Mas não se preocupe, nesta publicação você encontrará todas as informações e também um passo a passo para calcular sua rampa garantindo conforto, segurança e também algumas dicas importantes, confira!

O QUE CARACTERIZA UMA RAMPA?

O QUE CARACTERIZA UMA RAMPA?

Uma rampa é um elemento de circulação que tem por objetivo conectar dois pisos com diferentes níveis, permitindo o tráfego de pessoas, cargas ou mesmo veículos.

Observando as diferentes possibilidades de uso, percebemos que o cálculo de rampa pode variar de acordo com a necessidade do projeto e o tipo de usuário, portanto precisamos observar alguns aspectos importantes, como:

  • Espaço disponível e eventuais obstáculos para a execução;
  • Inclinação, comprimento e largura apropriados;
  • Distância entre os diferentes níveis;
  • Prováveis usuários;
  • Material da superfície;
  • Custo de execução;
  • Área de aproximação e acesso a rampa;
  • Posição de corrimãos e guarda-corpo;
  • Conformidade com as normas técnicas e de segurança;
  • Meios alternativos de acesso.

Com estas informações básicas já é possível fazer o correto dimensionamento, então vamos aprender a fazer o cálculo de rampa. 

Acompanhe!

COMO FAZER CÁLCULO DE RAMPA?

Independente das necessidades que uma rampa venha a atender, temos alguns aspectos comuns para qualquer tipo de rampa, que são sua inclinação, altura e comprimento.

COMO FAZER CÁLCULO DE RAMPA?

O valor da inclinação da rampa é expresso em porcentagem (%), que é obtido através da relação da altura a ser vencida (h) multiplicado por 100 e dividido pelo comprimento (c).

CÁLCULO DE RAMPA

Porém em uma obra é comum encontramos diferentes situações, como por exemplo, você ter uma inclinação pré-definida e precisa encontrar a altura ou o comprimento.

Em um primeiro momento pode parecer complicado, mas na verdade é bem simples, pois podemos resolver com uma simples regra de três. Vamos ver a seguir.

EXEMPLO DE CÁLCULO DE RAMPA

CÁLCULO DE RAMPA

Para fazer o cálculo de rampa precisamos do máximo de informações possíveis, pois com base no resultado obtido, precisamos conferir se as dimensões atendem as necessidades do projeto e as normas técnicas correspondentes.

Claro que o primeiro passo é justamente identificar as informações básicas que são altura, comprimento e inclinação, então vamos aprender a seguir como usar a fórmula e obter estes valores.

CALCULAR INCLINAÇÃO DE RAMPA 

Para identificar a inclinação necessária para a rampa é preciso ter as informações de altura a ser vencida e comprimento da rampa.

CÁLCULO DE RAMPA

Este tipo de cálculo de rampa é mais utilizado em situações onde a rampa já existe e precisamos identificar o percentual de inclinação.

Vamos imaginar uma rampa onde temos um comprimento de 4 metros e a rampa vence uma altura de 1,20 metros.

CÁLCULO DE RAMPA

Temos então o valor de 1.20 multiplicado por 100 (que resulta em 120) e ao dividir o resultado por 4 obtemos o valor de 30. Lembre-se que o resultado deverá ser expresso em porcentagem, neste caso temos 30%.

CÁLCULO DE RAMPA

O valor de 30% quer dizer que a cada 30cm, vencemos 1 metro de altura, logo, em 4 metros vencemos 1,20 metro.

Com o resultado obtido é necessário identificar qual será a função da respectiva rampa e se as dimensões atendem as necessidades e as normas técnicas correspondentes.

CALCULAR COMPRIMENTO

Para definir o comprimento para a rampa é necessário ter a informação de inclinação e altura.

CALCULAR COMPRIMENTO

Este tipo de cálculo de rampa é utilizado quando precisamos identificar qual o comprimento necessário para a construção de uma rampa.

Vamos imaginar uma rampa de veículos onde precisamos de uma inclinação de 15% e a rampa precisa vencer uma altura de 1,60 metros.

CALCULAR COMPRIMENTO

Temos então o valor de 1,6 multiplicado por 100 (que resulta em 160) e ao dividir este valor por 15 temos 10,66, que é o comprimento total da rampa.

CALCULAR COMPRIMENTO

O comprimento total para esta rampa é de 10,66 metros, onde também é necessário conferir se esta dimensão atende às necessidades e normas técnicas aplicáveis.

CALCULAR ALTURA - Para definir a altura necessária para a rampa é preciso ter a informação de comprimento e inclinação.

CALCULAR COMPRIMENTO

Este tipo de cálculo de rampa é utilizado quando temos as informações de comprimento e percentual de inclinação, permitindo identificar a altura que a rampa irá atingir.

Vamos imaginar uma rampa onde precisamos ter um comprimento de 7 metros e uma inclinação de 10%, logo, precisamos descobrir a altura.

CALCULAR COMPRIMENTO

Temos então o valor de 7,00 multiplicado por 10 (que resulta em 70) e ao dividir o resultado por 100 obtemos o valor de 0,70m.

Neste caso precisamos conferir se o resultado de 0,70 é suficiente para que a rampa atenda as necessidades do projeto. 

Caso não seja suficiente, será necessário alterar o comprimento ou o percentual de inclinação e refazer o cálculo de rampa.

Assine a Blocks e garanta já as melhores famílias de Revit para personalizar o seu projeto! 

COMO CALCULAR UMA RAMPA EM CURVA?

Rampas em curva adotam o mesmo cálculo empregado em rampas lineares, sendo que a real preocupação se dá em virtude do raio que a curva irá efetuar.

Rampas para pedestres e cadeirantes, conforme NBR 9050, deve ter um raio central de 3 metros, no mínimo.

RAMPA EM CURVA

Já para veículos, podemos recorrer ao gabarito AASTHO (American Association on State Highway and Transportation Officials), que é utilizado pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

Neste gabarito, o dimensionamento é voltado para vias públicas, mas já nos oferece um panorama de dimensões mínimas que podem ser empregadas no dimensionamento de uma rampa em curva.

RAMPA EM CURVA

COMO MEDIR A ALTURA DE UMA RAMPA?

Uma dúvida muito comum é como fazer a medição de uma rampa existente, principalmente quando precisamos conferir o percentual de inclinação.

A medição pode ser realizada de uma maneira muito simples, você só vai precisar de um nível, uma linha de nylon e uma trena.

COMO MEDIR A ALTURA DE UMA RAMPA?

Prenda a linha de nylon no topo da rampa, de forma que fique esticada e com auxílio do nível, verifique se está reta.

COMO MEDIR A ALTURA DE UMA RAMPA?

Em seguida você deve medir a distância de 1 metro a partir do início da rampa e por fim efetuar uma medição na vertical, a partir da distância de 1 metro até encostar na rampa.

COMO MEDIR A ALTURA DE UMA RAMPA?

Com isso você conseguirá obter o percentual de inclinação. Por exemplo, se o valor for de 12cm, quer dizer que a cada 1 metro, 12 centímetros são vencidos, ou seja, a rampa possui 12% de inclinação.

Este processo também permite medir o comprimento, porém será necessário esticar a linha de nylon por todo o percurso da rampa.

Após efetuar a medição será possível analisar se a rampa atende as necessidades da obra e normatização técnica correspondente.

COMO CALCULAR UMA RAMPA NBR 9050?

RAMPA NBR 9050

A NBR 9050 é uma norma regulamentadora, criada pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) que define todos os aspectos técnicos que devem ser observados para garantir a acessibilidade em edificações.

O Decreto 5.296 regulamenta a promoção da acessibilidade em edificações, onde o não cumprimento é de responsabilidade do profissional que desenvolveu o projeto, implicando em multa.

Confira a seguir qual o impacto da NBR 9050 em relação ao cálculo de rampa.

COMO FAZER O CÁLCULO DE UMA RAMPA ACESSÍVEL?

Uma rampa que atenda a norma de acessibilidade utiliza os mesmos cálculos que foram aqui apresentados, porém deve obedecer os limites de inclinação e um número máximo de segmentos de rampa, conforme a tabela de referência.

 RAMPA ACESSÍVEL

O percentual de inclinação da rampa deve ficar entre 5% e 8,33%, além da necessidade de patamares intermediários para descanso ou mudança de direção.

 RAMPA ACESSÍVEL

Em casos excepcionais, quando esgotadas as possibilidades que atendam a tabela de dimensionamento de rampas, é possível adotar outra tabela, que tem uma limitação maior do número de segmentos de rampa.

 RAMPA ACESSÍVEL

Em geral, o impacto que temos no dimensionamento de uma rampa acessível é que o percentual de inclinação é pequeno, o que consequentemente aumenta significativamente o comprimento da rampa, ocupando um espaço considerável na sua obra.

CONCLUSÃO

Uma rampa é um elemento arquitetônico que deve garantir a segurança de uso, atendendo requisitos técnicos e também a legislação correspondente, por isso é fundamental que seja corretamente calculado.

Todo profissional de arquitetura deve saber não apenas calcular mas também adequar a rampa ao espaço disponível dentro do projeto, definindo o percurso mais eficiente, seja linear ou em curva.

E um bom projeto além de uma rampa corretamente dimensionada precisa utilizar blocos de qualidade, então saia na frente usando a biblioteca de famílias da Block Revit, que dispõe de um imenso catálogo com atualizações semanais!

Faça parte da Família Blocks Revit!

SOBRE O AUTOR

Luis André
Mestre em arquitetura, designer de produto e professor, compartilhando conteúdo profissional dos principais softwares de arquitetura a mais de 10 anos.
Voltar